Utilizamos cookies para aprimorar a sua experiência em nosso site. Ao aceitar estará ciente sobre o deles em nossas configurações de personalização. Para saber mais leia nossas Política de Cookie e Política de Privacidade.

link para whatsapp novidário
link para o topo da página
desenho representativo de recepção com moveis de madeira com plantas e pessoas

Biofilia: design e natureza aliados na busca do bem-estar

28 fevereiro | POSTADO ÀS 09:02 H

Frequentemente buscamos a natureza quando queremos calma. Têm vezes que a rotina aperta, a ansiedade aumenta e o estresse toma conta do dia a dia. Aí é só fechar os olhos e… pronto: lá está a natureza. Uma praia paradisíaca, o barulhinho da chuva, um rio passageiro e muitas outras paisagens e sons vêm à nossa cabeça. Tratam-se de símbolos que inspiram tranquilidade, acalmam o ambiente e ajudam até a tranquilizar a respiração – não é à toa que a Floresta Amazônica ficou conhecida como o pulmão da Terra.

Neste contexto, não é de se surpreender que elementos das paisagens e biomas tenham invadido a arquitetura. E este movimento tem nome e sobrenome: biofilia. O termo foi criado em meados dos anos 60 e o conceito encontrou nas disciplinas de design, arquitetura e urbanismo um terreno ao qual expandir.

Em um artigo de 2020 para o “ArchDaily“, a arquiteta libanesa Dima Stouhi aponta a biofilia como o caminho ideal para conectar o indivíduo à natureza no dia a dia. Cada vez mais o mundo corporativo discute o bem-estar dentro dos escritórios e o conceito, promotor deste sentimento de wellness, fica em evidência.

A biofilia na Novidário

No design de móveis, campo de atuação da Novidário, os materiais dão o tom da biofilia. Das cores e acabamentos à composição, as peças de mobiliário erguem-se e ocupam os espaços alinhadas ao conceito que traz saúde e tranquilidade aos ambientes.

A naturally:wood, especializada na área de arquitetura biofíllica, não exita em associar a madeira ao bem-estar. E não somente nos locais corporativos ou escolares, mas também nos espaços que são originalmente destinados à saúde, como hospitais e pronto-socorros.

A Novidário trabalha com diversos materiais. Um deles, o compensado de madeira que sustenta, entre outros móveis, os Lockers Própolis.  Estes armarinhos, que nos remetem aos filmes teen do “high school” americano, tradicionalmente são feitos em aço. Com um ar burocrático, tomam as cores cinza, bege, branco ou preto e costumam ser projetados para “sumir” nos ambientes.

Não é o caso dos Lockers Própolis, introduzido recentemente no portfólio da Novidário. Estes, por sua vez, erguem-se em compensado, trazendo consigo a carga de biofilia e, ainda, podendo variar cor e altura.



newsletter

Criado e Desenvolvido por: Agência Zíriga